Para explicar o que é Remarketing, quero usar dois exemplos que, aposto, você vai se identificar. O primeiro é: Você entrou em um e-commerce e procurou por algum produto, como um livro sobre marketing, por exemplo. Depois, colocou o livro no carrinho, mas na hora de finalizar o pedido, pensou melhor e desistiu da ideia.

Então, durante os dias seguintes, você viu muitos anúncios chamando você para finalizar aquela compra e, talvez, até recebeu um email com desconto para aquele livro.

O segundo exemplo: Você pesquisou livros sobre Data Science em uma, ou várias lojas. Não chegou a comprar e, nem mesmo, colocou no carrinho. Mas, mesmo assim, pelos dias que se seguiram, você viu centenas de anúncios sobre o livro que procurou, e outros livros parecidos. Anúncios que levavam diretamente às lojas em que você pesquisou.

Bem, isso é o Remarketing. Entendeu? É como chamamos atingir uma mesma pessoa, várias vezes, com a mesma mensagem ou campanha.

O que é Remarketing e como funciona

Ok, por enquanto pareceu um pouco genérico. Por isso, é melhor explicar com exemplos do que você pode fazer com o Remarketing:

  • Definir que um anúncio só será exibido para quem:
    • Já viu o anúncio que você está exibindo, ou outro anúncio que você publicou;
    • Acessou o seu site, ou alguma página específica;
    • Executou alguma ação no seu aplicativo ou site (como colocar produtos no carrinho, por exemplo).

Claro, o Remarketing oferece muito mais possibilidades do que essas. E pode ser combinado com outros aspectos, para ganhar ainda mais eficiência.

Por que é importante utilizar o Remarketing

Hoje é sabido (e demonstrado por pesquisas), que uma pessoa precisa ter entre 6 e 9 pontos de contato com a sua marca, antes de clicar em um anúncio. Essa é uma média.

Mas o que são pontos de contato? Bem, são aqueles momentos em que uma pessoa presta atenção na sua mensagem. Pode ser quando lê um post que você fez no Twitter; quando assiste à um vídeo seu no Facebook. Ou, mesmo, quando vê o seu anúncio em um Outdoor. Ou seja, sempre que a sua comunicação atinge uma pessoa, acontece um ponto de contato.

Por isso é importante fazer com que a mesma pessoa veja o seu anúncio (ou diversos anúncios da sua marca) várias vezes. Assim, você aumenta as chances dela clicar e comprar de você. Seja porque a pessoa foi convencida pela sua mensagem (e insistência), por ela precisar do que você oferece naquele momento (mas antes não precisava), ou por, agora, ter familiaridade com a sua marca.

Como começar o remarketing na sua comunicação

O Remarketing é algo inerente ao conteúdo pago. Você deve criar anúncios ou posts patrocinados nas plataformas onde está o seu público.

A maneira mais fácil, é colocando um anúncio para rodar, e depois configurar uma nova versão dele, para ser exibido apenas para quem já viu esse anúncio.

Outra opção simples, é configurar os seus anúncios para serem exibidos apenas para quem visitou o seu site, ou alguma área dele.

Nesses dois casos, você aumentará as chances de fazer com que o seu público clique nos anúncios, já que estará reforçando a sua mensagem, através da repetição dela.

Mas como fazer isso, você está se perguntando. Bem, existem várias ferramentas e técnicas para isso. Mas, como não podemos fazer um post muito longo, vamos dividir o conteúdo em várias publicações e, ao longo do tempo, você poderá aprender lendo as matérias aqui no blog.

Se você quiser receber avisos sobre o lançamento de novos conteúdos ensinando sobre remarketing, pode clicar aqui e assinar a nossa newsletter grátis. Com ela, você receberá várias dicas.